Quinta-feira, 29 de Janeiro de 2009
Adeus filho bastardo - Parte 2

     

Retomo o racicocínio que fiz atrás sobre o Bodyboard estar fora dos ISA World Surfing Games, para mencionar o lado positivo da coisa. É obvio que também o tem. Diria até que, se nos marimbarmos para os pensamentos do "paz e amizade", em termos teóricos o Bodyboard saiu a ganhar.  Podemos também pôr por agora de parte de parte os motivos que estiveram por detrás desta decisão, já que dizer que foram económicos, não passa de expeculação. Embora, aqui entre nós, ninguém mos tire da ideia.

 

      Se assim é, então que Bodyboard arregace as mangas e venha a ter o seu próprio Internacional Bodyboarding Games, o mais rápido possível. De resto, é o que o site do ISA promete e já estão abertas as candidaturas para escolher a cidade anfitriã dos primeiros jogos olímpicos de Bodyboard. Além dos já mencionados pela federação eis, a meu ver, mais dois aspectos positivos: a modalidade demonstrar a sua própria autonomia e valor, enquanto desporto por equipas, em particular, o alto nível  em que se encontra o Bodyboard português face ao de outros países. Não menos importante, a possibilidade das equipas comportarem maior número de elementos femininos, já que o último ISA levou apenas a competição Rita Pires, deixando para trás outros grandes valores do Bodyboard feminino português.

      Se o Bodyboard precisa do Surf e vice-versa? Nem pensar. Mas penso que, com esta decisão, ficará a faltar um momento de encontro entre estas duas modalidades, pondo de parte por momentos algumas animosidades e rivalidades, em detrimento de uma causa comum. Se o Bodyboard e o Surf  de competição precisam dos interesses comerciais? Infelizmente sim. Demasiado. Embora a situação já esteja muito mudada, temo que os investimentos entre um World Surfing Games e um World Bodyboard Games sejam bem diferente. E, em épocas de crise, a corda rebenta sempre para aquele que dá menos retorno, em teoria... .

 

      Ou será esta uma mera visão feminina omântico-pessimista de toda a coisa? Espero que esta fractura traga então os tão esperados benefícios. Ficamos à espera.

 

memorizado por LaraR às 01:24
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Cocas a 30 de Janeiro de 2009 às 13:04
Sempre a descobrir novos blogs. A verdade é que eles não páram o Bodyboard ... nem à pancada

Comentar post

Eu sou...
tags

todas as tags

Tempo dividido...
Pesquisa
 
Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Memórias Recentes

Podia ser tão fácil como ...

Ousar e Vencer

Some summer memories...

Na Onda da Rita

Madeira: um sonho aqui tã...

Guaranteed

Dream as if you'll lve fo...

Madeira das massas...

Boilling Point

Terceira Etapa do Circuit...

Tempos Passados

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

subscrever feeds