Quinta-feira, 23 de Abril de 2009
Estoril Quiksilver Pro Saca fora Mujica e Lipke seguem em frente

 

Na ronda que iniciou o terceiro dia do Estoril Quiksilver Pro participaram 48 atletas, que enfrentaram as ondas da praia do Guincho - que hoje apresentaram tamanho a rondar o meio metro com sets de um metro e vento fraco. Hoje o sol brilhou em força e a praia encheu de público para ver o melhor surf do mundo.

As atenções estiveram viradas para a primeira bateria do dia, com o top 45 Tiago Pires a defender as cores nacionais. Saca liderou desde o início, mostrando um grande nível de surf. No entanto, a 30 segundos do fim, o atleta luso fez uma interferência sobre o australiano Jack Perry, custando-lhe a passagem para a próxima ronda de baterias. “Foi um erro infantil e não é algo que costumo fazer. Não o vi, paciência, são estas as regras do jogo. Vou continuar a acompanhar com toda a certeza o campeonato através da Internet, já que de seguida irei para o Taiti”.

Em prova estiveram mais dois portugueses, David Luís e Justin Mujica. David, que compete pela primeira vez este ano, ficou-se pelo quarto lugar da bateria. Contudo, o atleta – que está a meses de ser pai – mostrou-se muito optimista garantindo que vai regressar ao surf nacional.

Por seu lado, Justin Mujica esteve muito competitivo, sendo um dos melhores atletas em prova neste terceiro dia. O luso-venezuelano destacou-se dos adversários e garantiu solidamente o primeiro lugar. “Estou muito contente com a minha prestação e confiante nas minhas capacidades para continuar a progredir na prova. Tenho pena da eliminação do Saca, mas o surf é como o futebol, uns perdem e outros ganham”.

Destaques ainda para o uruguaio Marco Gio e o australiando Heath Joske que fizeram algumas das melhores pontuações do dia.

Outra das surpresas do dia foi a eliminação do atleta do WCT Micky Picon que não conseguiu superar as pontuações do francês Vicent Duvignac e do venezuelano Jonathan Gonzalez.

Já Tim Boal e Marlon Lipke, também pertencentes ao top 45 do mundo, lideraram com destaque as suas baterias. O germânico residente no Algarve mostrou grande nível de surf, revelando-se um dos fortes candidatos à final deste Estoril Quiksilver Pro.

Para hoje está ainda prevista a realização da ronda de 24 atletas, onde muitas surpresas podem acontecer.

Paralelamente, em Carcavelos, onde está instalada a estrutura principal da prova, a animação é muita, já que os patrocinadores do Estoril Quiksilver Pro têm várias iniciativas a funcionar, para os visitantes de todas as idades.

at Alfarroba Press Centre

 

Nota: O check-in está marcado para a praia de Carcavelos, às 12 horas. Será finalizada a ronda de 24 atletas, onde ainda irá competir Marlon Lipke.

 

memorizado por LaraR às 21:59
link do post | comentar | favorito
|
Eu sou...
tags

todas as tags

Tempo dividido...
Pesquisa
 
Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Memórias Recentes

Podia ser tão fácil como ...

Ousar e Vencer

Some summer memories...

Na Onda da Rita

Madeira: um sonho aqui tã...

Guaranteed

Dream as if you'll lve fo...

Madeira das massas...

Boilling Point

Terceira Etapa do Circuit...

Tempos Passados

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

subscrever feeds